Projetos Musicais



O Ecarta Musical é um projeto da Fundação Ecarta que visa valorizar a música e os músicos do Rio Grande do Sul, assim como facilitar o acesso da população a este bem cultural.



Confira os shows realizados
em 2015:
NOTA PÚBLICA
Repúdio à sanção
do Governo para
extinção das
fundações estaduais

Nome: 
E-mail: 
 
 
 Em Porto Alegre
 
Sede da Fundação Ecarta (Av. João Pessoa, 943 - Farroupilha)
12/12/2015 | 19h | Entrada franca
Grupo de Canto Sol de Si apresenta Nossa Cantoria
Local: Fundao Ecarta (Av. Joo Pessoa, 943, Porto Alegre)
Foto: Lia Magali Zanini/Divulgao
Grupo de Canto Sol de Si | Foto: Lia Magali Zanini/Divulgao

A apresentao tem no repertrio uma seleo de canes cantadas nos dez anos do grupo: Prolas aos Poucos (Z Miguel Wisnik), Teco Teco (Pereira da Costa e Milton Vilella), Anima (Milton Nascimento e Z Renato), Redescobrir (Gonzaguinha), Veja (Margarida) (Vital Farias); Gospel (Raul Seixas); Paula e Bebeto (Milton Nascimento e Caetano Veloso); Gente (Caetano Veloso), Refazenda (Gilberto Gil), Cantoria (Paulinho da Viola), Leros e leros e boleros (Sergio Sampaio), Sobre o tempo (Patu Fu), As cores de abril (Toquinho & Vinicius), Feitio de orao (Noel Rosa), A estrada e o violeiro (Sidney Miller).

CANTO SOL DE SI | Fundado em 2003 como Coral da Escola Projeto, passou em 2008 a ter a direo do msico e compositor Marcelo Delacroix, mudando o conceito de coral para grupo de canto. formado atualmente por 35 cantoras amadoras, entre mes de alunos e ex-alunos, professoras e diretora da escola, alm de amigos que chegam por indicao, e conta no palco com Marcelo Delacroix (violo), Bruno Vargas (baixo) e Giovanni Berti (percusso). O grupo apresentou-se em 2012 na Sala Carlos Carvalho da Casa de Cultura Mrio Quintana, e em 2013 no Auditrio Dante Barone da Assembleia Legislativa do RS, apresentando o show Compositores do RS, tendo como convidados Bebeto Alves, Nelson Coelho de Castro, Claudio Levitan, Nei Lisboa, Arthur de Faria, Nico Nicolaiewski, Giba Giba e Chico Saratt. Em 2014 apresentou-se no Teatro Bruno Kiefer, em duas noites com lotao esgotada.

CANTORAS | Adriana Grassmann Wander, Adriana Guedes, Ana Lcia Diogo Vargas, Ana Lucia Silveira Ricardo, Beatriz Sofia Rozenfeld, Beth Andrade, Beth Baldi, Carolina Luz, Cssia Zanon, Christina Cidade Dias, Cleusa Tavora de Carvalho, Debora Gelatti, Derli Teixeira Rodrigues, Eliana Nunes, Eliane Villela Melecchi, Eva Sam Rodrigues, Jaqueline Rodrigues, Leila Rechenberger, Letcia Prata, Lcia Pellanda, Luciana Petry Anele, Mrcia Fabris, Margareth Baldi, Margarida Starosta, Maria Lcia Campos, Maria Virgnia Cardenas, Rejane Gutierres, Rosa Angela Chieza, Rosa Maria Gusmo, Vanessa Berwanger Sandri, Vera Lucia Pires, Vera Mayer, Vernica de Moraes Alfonsin, Virginia Haensel de Oliveira.

DIREO MUSICAL | Marcelo Delacroix .


Show Sol de Si
Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si - Abertura: Jos Jeferson Moura Miranda | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si - Abertura: Jos Jeferson Moura Miranda | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si | Foto: Igor Sperotto
Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si | Foto: Igor Sperotto
Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si | Foto: Igor Sperotto
Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Grupo de Canto Sol de Si | Foto: Igor Sperotto
 

 

 

28/11/2015 | 19h | Entrada franca
Conjunto de flautas doces In Nomine
Abertura: Duo de violino com Luiz Paulo Dourado Freire e Andr Borba
Local: Fundao Ecarta (Av. Joo Pessoa, 943, Porto Alegre)
Foto: Claudio Etges
Conjunto de flautas doces In Nomine| Foto: Claudio Etges

Lanamento oficial do In Nomine, conjunto de flautas doces criado em 2014 com o principal objetivo a prtica da msica de cmara escrita para formao de trios, quartetos, quintetos e sextetos. Participam do conjunto os estudantes Danielle Chaves Joaquim, Gustavo Santos, Mariany Barbosa, Bruno Santos e Nayara Assis, sob a orientao e direo artstica da professora Walkiria Morato. Aps a apresentao ser oferecido um coquetel.

No repertrio:
Tielman Susato (1583) Duas danas,Allemande e Saltarello
John Dowland (1563 1626) M. Nicholas Gryffith his Galiard, Georg Whitehead his Almand
J. C. Schickhardt(1682 1762) Concerto II(Allegro, Largo,Allegro e Presto)
G. B. Pergolesi (1710 1736) Duetto: Sabat Mater dolorosa
Wolfgang Amadeus Mozart (1756 1791) - Divertimento n14, KV 27 (Arranjo para quarteto de flautas doce)
Richard Strauss (1864 1949) Pizzicato Polka

IN NOMINE | O conjunto tambm desenvolve pesquisa de repertrio, composto durante os sculos XV, XVI, XVII, XIX e XX dos mais diversos compositores com escrita original, arranjada ou adaptada para a formao do In Nomine. Nestes ltimos anos, desenvolveu quatro programas de concertos com temticas diferenciadas: a msica renascentista italiana e inglesa, os arranjos e as suas adaptaes e a msica barroca alem. A cada tema, apresentado aos alunos, a oportunidade de conhecer, pesquisar e experimentar o repertrio proposto. O repertrio conta com as composies de TielmanSusato (1583), John Dowland (1563 1626), Johann Christian Schickhardt (1680 1762), Osvaldo Lacerda (1972- 2011), Wolfgang Amadeus Mozart (1756 1791), J. C. Schickhardt (1682 1762), G. B. Pergolesi (1710 1736), Antonio Vivaldi (1678 1741) e Richard Strauss (1864 1949). Se apresentou em diversos espaos de referncia cultural na cidade de Porto Alegre.

WALKIRIA MORATO | Bacharela em flauta doce pela Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho. Participao ativa em vrios festivais de msica e no Projeto pera na Ufrgs, sob orientao da professora Lcia Carpena. Curso licenciatura em Msica, instrumento Flauta doce na Ufrgs com a professora Lcia Carpena. Leciona aulas de flauta doce em escolas de msica, projetos sociais e conservatrios de msica na cidade de Porto Alegre.

DANIELLE CHAVES JOAQUIM | Formada na Escola de Msica Ipdae. Integrou da Orquestra Jovem Ipdae, sob a regncia de Rosngela dos Santos, participando da gravao do CD Sinfonia da Lomba como solista e tambm de turn pelo estado Rio Grande do Sul. Cursa licenciatura em Msica pela Ufrgs, com habilitao em flauta doce. bolsista de iniciao cientfica sob a orientao da professora Lucia Carpena com o projeto de pesquisa Prata da Casa Obras para flauta doce escritas por compositores ligados Ufrgs.

BRUNO DOS SANTOS |Estuda flauta doce na Escola de Msica Ipdae. Participou da Orquestra Jovem Ipdae, sob a regncia de Rosngela dos Santos. Participou da gravao do CD Sinfonia da Lomba como solista e tambm de turn pelo estado Rio Grande do Sul. Estuda flauta doce e flauta transversal na escola de msica Ipdae. Integra a Orquestra Jovem e Orquestra de Flautas Transversas sob Regncia do Professor e flautista Ademir Schmidt e a Orquestra de Cmara sob Regncia do professor Celau Moreyra.

GUSTAVO SANTOS DOS SANTOS | Estudou flauta doce na escola de Msica Ipdae. De 2013 a 2015 integrou a Orquestra de Cmara Ipdae sob a regncia de Wenceslau Moreira, e a Orquestra Jovem Ipdae sob a regncia de Rosngela dos Santos (2006-2010).

MARIANY BARBOSA PEREIRA | Estuda na Escola de Msica do Ipdae. Integrou a Orquestra Jovem Ipdae, sob a regncia de Rosngela dos Santos na qual participou da gravao do CD Sinfonia da Lomba atuando como integrante da orquestra e tambm da turn pelo estado Rio Grande do Sul. Apresenta-se como instrumentista e camerista nos recitais realizados pela Escola de Msica Joan e Donald Sandberg do Ipdae.

NAYARA MARLENE ASSIS DA SILVA | Estudante da Escola de Msica Ipdae. Participou da Orquestra Jovem Ipdae, sob a regncia de Rosngela dos Santos na qual participou da gravao do CD Sinfonia da Lomba como solista e tambm da turn pelo estado Rio Grande do Sul. Integra os seguintes grupos da Escola de Msica, Conjunto de Cmara e do Coro Jovem Ipdae.

Abertura | Luiz Paulo Dourado Freire e Andr Borba Bacharelandos em violino na Ufrgs, sob orientao de Fredi Gerling.


Show In Nomine
Ecarta Musical - In Nomine | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - In Nomine | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - In Nomine | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - In Nomine | Foto: Igor Sperotto
Ecarta Musical - In Nomine | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - In Nomine | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - In Nomine | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - In Nomine | Foto: Igor Sperotto
Ecarta Musical - In Nomine | Foto: Igor Sperotto
 

 

 

14/11/2015 | 19h | Entrada franca
Msica instrumental com SR Trio
Abertura: Thas Nascimento, formanda em Msica pela Ufrgs
Local: Fundao Ecarta (Av. Joo Pessoa, 943, Porto Alegre)
Foto: Marina Lopes Ferreira
SR. TRIO | Foto: Marina Lopes Ferreira

O show caracteriza-se pelo repertrio exclusivamente instrumental, executado na formao tradicional de trio, com Benito Crivellaro (piano), William Strottmann (baixo) e Cristiano Bertolucci (bateria). Parte das msicas propostas pelo SR Trio na apresentao do musical vora so autorais, sendo que algumas das quais contm ritmos brasileiros, e outras so compostas no estilo fusion, mesclando ritmos latinos com linguagem jazzstica, tambm fazem parte do repertrio msicas de bossa nova, tango brasileiro e trilhas de filmes. Durante a apresentao, o trio se prope a executar um repertrio que inclui a diversidade de ritmos, harmonias e improvisos, personalizando as obras e mantendo presente uma identidade prpria nas interpretaes, proporcionando ao pblico variedade musical e originalidade.

No repertrio:
Wave Tom Jobim (1927/1994)
Rio que vai, rio que vem Roberto Menescal (1937)
Barquinho Roberto Menescal
Estamos a Maurcio Einhorn (1932)
Free N Poa - Benito Crivellaro (1975)
Samurai Benito Crivellaro
Axel F, Harold Faltermeyer (1952)
Beb Hermeto Pascoal (1936)
Prenda Minha/Ufo III - Benito Crivellaro
F 1 - Benito Crivellaro

BENITO CRIVELLARO | Entre 1993 e 1998, fez seus estudos em msica com nfase em piano no Conservatrio Estatal Antonio Vivaldi (Alessandria/Itlia), onde participou como pianista titular da orquestra de arcos do mesmo conservatrio. Neste perodo apresentou-se em diversas salas de concerto e auditrios na Itlia. Em 2004 tornou-se bacharel em teclas pela Ufrgs. Atua como pianista e tecladista principalmente nos estilos erudito, jazz e MPB. Diretor artstico da Crivellaro Escola de Msica, leciona piano, e ministra cursos em diferentes reas da msica. Tem atividade tambm como msico de estdio, arranjador e compositor. Em 2013 gravou o CD Maestro Angelo Crivellaro por Benito Crivellaro, importante registro indito das obras do seu av. O CD teve indicao ao Prmio Aorianos de msica como melhor lbum erudito.

CRISTIANO BERTOLUCCI | Realizou o curso de bateria e percusso no Musicians Institute (Hollywood/CA). Em Los Angeles participou de grandes festivais de jazz e world music, com a banda Brasil Brasil, e dividiu o palco com Steel Pulse, Diana Krall, Ziggy Marley, Al Jarreau e Ray Charles. Atualmente tem intensa atividade como baterista em Porto Alegre, tocando tambm com Solon Fishbone, Funkalister e Comunidade Nin-Jitsu. Escreve artigos e tambm produz textos para a revista Modern Drummer. Atua como pesquisador na sua rea, e alm de lecionar tambm ministra cursos relacionados bateria, desenvolvendo um vasto vocabulrio de ritmos para o instrumento.

WILLIAM STROTTMANN | Diplomado na faculdade de msica do IPA Metodista participa de diversos trabalhos com bandas de estilo jazz, MPB, funk e pop rock. Atualmente tambm toca com Nikki Goulart, Michael Jackson Cover e Bibiana Petek. Atua como msico de estdio e arranjador, tambm realiza montagem de equipamentos e gravaes para msicos independentes de Porto Alegre. Tem atividade como professor de baixo, guitarra, violo e flauta doce, e leciona na Crivellaro Escola de Msica.

Abertura: Thas Nascimento | violonista e professora de msica, formanda em Licenciatura em Msica na Ufrgs, com instrumento principal violo.
Repertrio:
1 - Tango - Francisco Tarrega
2 - Choro n1 (choro tpico) - Heitor Villa-Lobos
3 - Se ela perguntar - Dilermando Reis


Show SR Trio
Ecarta Musical - SR TRIO | Foto: Idsio de Oliveira/Divulgao Ecarta Musical - SR TRIO | Foto: Idsio de Oliveira/Divulgao Ecarta Musical - SR TRIO | Foto: Idsio de Oliveira/Divulgao Ecarta Musical - SR TRIO | Foto: Idsio de Oliveira/Divulgao
Ecarta Musical - SR TRIO | Foto: Idsio de Oliveira/Divulgao Ecarta Musical - SR TRIO | Foto: Idsio de Oliveir/Divulgaoa Ecarta Musical - SR TRIO | Foto: Idsio de Oliveira/Divulgao Ecarta Musical - SR TRIO | Foto: Idsio de Oliveira/Divulgao
Ecarta Musical - SR TRIO | Foto: Idsio de Oliveira/Divulgao
 

 

 

24/10/15 | 18h | Entrada franca
Quarteto Girando a Renda
Abertura: Kain Valentim Pereira, estudante de violoncelo da Ufrgs
Local: Fundao Ecarta (Av. Joo Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Guilherme Gil e Fernanda Azambuja
Adriana Deffenti em Revira&Volta | Foto: Anderson Dornelles

Grandes instrumentistas e amigos, o trio James Liberato, Jua Ferreira e New entrelaam suas vivncias em um magnfico trabalho de msica instrumental na vertente do Jazz. Tranando nele, recentemente, a cantora Anacris Bizarro, com quem vem para o grupo o sabor do MPB e do Samba. Esta combinao traz para o mundo artstico de Porto Alegre o Quarteto Girando a Renda. Giro que enreda o samba e o transforma em renda numa releitura jazzstica cheia de improvisos.

No repertrio:
Batendo porta (Joo Nogueira e Paulo Csar Pinheiro);
Pimenta no vatap (Joo Nogueira);
Cicatrizes (Paulo Cesar Pinheiro e Miltinho);
A flor e o espinho (Nelson Cavaquinho, Guilherme de Brito e Alcides Caminha);
Feitio de orao (Noel Rosa);
Pecado capital (Paulinho da Viola);
Coisa feita (Aldir Blanc, Joo Bosco e Paulo Emilio);
Linda flor ai io io (Henrique Vogeler, Luiz Peixoto, Marques Porto, Cndido Costa);
Carinhoso (Pixinguinha);
Samba de verdade (Eduardo Gudin e Joo C. Costa Netto);
Influncia do Jazz (Carlos Lyra);
De frente pro crime (Aldir Blanc e Joo Bosco).

JAMES LIBERATO Instrumentista, compositor e arranjador, integrou vrios grupos representativos da msica instrumental de Porto Alegre. Com o espetculo Off Road, realizado em 1991, recebeu seu 1 Prmio Aorianos de Msica. Tambm atuou como msico contratado junta Ospa, Orquestra de Cmara do So Pedro, Orquestra da Ulbra e da Unisinos, acompanhando importantes artistas nacionais e internacionais como Bibi Ferreira, Faf de Belm e Michel Legrand. Atualmente atua como professor no curso tcnico de msica da EST/Esep em So Leopoldo onde leciona guitarra, prtica de conjunto, harmonia e improvisao, e em cadeiras de teoria e percepo. Atualmente James prepara composies para gravar seu quarto cd autoral e atua como instrumentista em diversos trabalhos musicais da cidade.

JUA FERREIRA Atuou como baterista em vrios shows com artistas locais e nacionais, incluindo gravaes de discos. Com Renato Borghetti, em shows pela Europa e pelo Brasil. Com Gelson Oliveira, participou da gravao do disco Imagem das Pedras. E no Show Coompor Canta Lupi, participou com os interpretes Gelson Oliveira, Bebeto Alves e Nelson Coelho de Castro, e com os instrumentistas Fernando Corona, Pedrinho Figueiredo, Edilson A vila e Everson Vargas. Atualmente professor de bateria na escola Cordas e Cordas.

LUIS HENRIQUE NEW Bacharel em Piano pela UFRGS. Recebeu vrios prmios, e dentre eles, o Trofu Aorianos de Msica com a Banda Venervel Lama. Acompanhou vrios artistas de destaque locais como Flora Almeida, Glson Oliveira, Bebeto Alves, Raul Elwanger, ngela Jobim. Foi Pianista do grupo Delicatessen, quarteto de Bossa jazz, disco Ganhador do Prmio TIM como Melhor Disco em Lngua Estrangeira, em 2007.

ANACRIS BIZARRO Cantora, educadora musical e estudante de licenciatura em msica no IPA, atuou em diversas bandas cover de Porto Alegre, participou de grupos vocais e corais, entre eles o Santa Rosa de Lima, sob a regncia da maestrina Simone Rasslan. Atualmente tem seu trabalho voltado para educao musical e est estreando ao lado do trio James.

Abertura KAIN VALENTIM Aluno de bacharelado em violoncelo pela Ufrgs, sob a orientao da professora Mileni Aliverti. No repertrio, Prelludio, Alemande, Sarabande e Gigue da Suite n6 de J.S Bach BWV1012.


Show Quarteto Girando a Renda
Ecarta Musical - Quarteto Girando a Renda | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Quarteto Girando a Renda | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Quarteto Girando a Renda | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Quarteto Girando a Renda | Foto: Igor Sperotto
Ecarta Musical - Quarteto Girando a Renda | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Quarteto Girando a Renda | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Quarteto Girando a Renda | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Quarteto Girando a Renda | Foto: Igor Sperotto
Ecarta Musical - Quarteto Girando a Renda | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Quarteto Girando a Renda | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Quarteto Girando a Renda | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Quarteto Girando a Renda | Foto: Igor Sperotto
Ecarta Musical - Quarteto Girando a Renda | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Quarteto Girando a Renda | Foto: Igor Sperotto Ecarta Musical - Quarteto Girando a Renda | Foto: Igor Sperotto  

 

 

3/10/15 | 18h | Entrada franca
Dudu Sperb e Toneco da Costa no show Mano a Mano
Abertura: Pablo Arturo Pulido
Local: Fundao Ecarta (Av. Joo Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Andres Costa
Dudu e Toneco | Foto: Andres Costa

A parceria de Dudu Sperb e Toneco da Costa iniciou h 12 anos e resultou em inmeros shows, vrios projetos musicais e um CD. Para comemorar esse tempo, eles apresentam agora o show Mano a mano, para o qual selecionaram composies de quatro projetos que realizaram juntos: um show com obras de Chico Buarque; Arrabalero, com tangos e canes brasileiras; Jogo de Ginga, com canes sobre futebol; e o espetculo dedicado cantora Elis Regina.

No repertrio:
1 X 0 (Pixinguinha/Benedito Lacerda/Nelson Angelo)
Aqui o pas do futebol (Milton Nascimento/Fernando Brant)
Samba e amor (Chico Buarque)
A noiva da cidade e Passaredo (Francis Hime/Chico Buarque)
Minha (Francis Hime/Ruy Guerra)
Esta tarde vi llover (Armando Manzanero)
Cuesta abajo (Carlos Gardel/Alfredo Le Pera)
Mano a mano (Jos Razzano/Carlos Gardel/Celedonio Flores)
Moda de sangue (Jernimo Jardim/Ivaldo Roque)
Alguma coisa solta no cu (Toneco da Costa/Giba Giba)
Vida de bailarina (Amrico Seixas/Dorival Silva "Chocolate")
Cinema Olympia (Caetano Veloso)
Se eu quiser falar com Deus (Gilbeto Gil)
Todo o sentimento (Chico Buarque/Cristvo Bastos).

DUDU SPERB Iniciou sua carreira de intrprete cantando em diversos locais de Porto Alegre, acompanhado por pianistas como Ado Pinheiro e Paulo Dorfman. Morou na Frana entre 2000 e 2001, apresentando-se em cafs de Paris e Amsterdam. De volta ao Brasil, trabalhou com o violonista Cau Karam, lanou o livro-CD de canes tradicionais francesas para crianas, Comptines jouer (edio da Aliana Francesa de P. Alegre) e deu incio parceria com o violonista Toneco da Costa. Em 2005 estreou o show Arrabalero, indicado ao Prmio Aorianos de Melhor Espetculo, trabalho que resultou num CD de mesmo nome, lanado em 2008, com produo de Arthur de Faria. Outros projetos se seguiram, como o show Filosofia, sobre a obra de Noel Rosa e Adoniran Barbosa (com o violonista Maurcio Marques e percusso de Rubem Penz), Doce Pimenta, em homenagem a Elis Regina (com Toneco da Costa), So in Love, msicas de Cole Porter e canes brasileiras (com o pianista Michel Dorfman), Jogo de Ginga, com repertrio de canes sobre futebol, alm de Corao Sol, dedicado obra de Caetano Veloso. Participou de projetos com a Orquestra de Cmara do Theatro So Pedro e dividiu o palco com artistas como Leandro Maia, Pedrinho Figueiredo, Mnica Tomasi, Marcelo Delacroix, Vanessa Longoni, Gisele De Santi, Bella Stone, Z Miguel Wisnik, Guinga, N Ozetti e Arthur Nestrovski.

TONECO DA COSTA  Violonista, arranjador, compositor e diretor musical. Ao longo de sua carreira, desenvolveu importantes trabalhos com Ayres Potthoff, Nelson Coelho de Castro, Fernando Ribeiro, Gloria Oliveira, Jernimo Jardim, Pedro Figueiredo, Paulo Gaiger, Pery Souza e Lourdes Rodrigues, entre outros. Recebeu o prmio Aorianos como arranjador em 1994, 1995 e 1999 e indicao em 1998. autor de trilhas para teatro, dana, publicidade e vdeos, com destaque para a msica da pea Crnica da cidade pequena, do grupo Tear, ganhadora dos prmios Aorianos e Mambembe - Inacen/Ministrio da Cultura em 1985, composta em parceria com o flautista Ayres Potthoff. Desde 1994, atua como violonista e diretor musical do Grupo Vocal Muito Prazer, quarteto que se dedica MPB e que tem se apresentado em projetos como o Pr-Arte, Msica nas Esquinas e Msica na Catedral, em cidades do interior do Estado, e em Porto Alegre, no Caf Concerto Majestic, Teatro Renascena, Teatro Bruno Kiefer e Sala Alvaro Moreyra.

Abertura | Pablo Arturo Pulido Formou-se no conservatrio Antonio Mara Valencia de Cali, Colmbia, onde obteve mrito sob a orientao do professor Gustavo Nio, teve, tambm, classes com os professores Javier Mauricio Cruz, Hctor Gonzlez y Clemente Daz. Atualmente faz Mestrado em Interpretao Musical, na Universidade Federal de Rio Grande do Sul (UFRGS), sob a orientao do professor Daniel Wolff.
Repertrio:
Fernando Mattos (1963)  Quarto Bestirio Brasileiro (estreio)
I. Entrada
II. Kamuruponi-aussu
III. Bernncia
IV. Mapinguari
V. Despedida

Show Mano a Mano

 

 

26/9/15 | 18h | Entrada franca
Adriana Deffenti em Revira&Volta
Abertura: Rafael Iravedra, violonista
Local: Fundao Ecarta (Av. Joo Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Anderson Dornelles
Adriana Deffenti em Revira&Volta | Foto: Anderson Dornelles

Adriana Deffenti (flauta doce e transversa, castanholas e rabeca) volta aos palcos acompanhada pelos parceiros msicos Marcelo Corsetti (guitarra e nos violes) e Angelo Primon (viola caipira, nos violes (nylon e ao), na sitar e na percusso) para apresentar o espetculo Revira&Volta. A fim de aliviar a saudade, aps oito anos sem tocarem juntos apresentam um show com canes do passado (perodo em que atuaram juntos) e do futuro (que anuncia um novo disco).
No repertrio Malabarismo ntimo, Romance acidental e Controversa (Adriana Deffenti), O recado delas (Maria Joo/Mrio Laginha), Mesmo que mude (Carlos Carneiro/Rodrigo Pilla), Quem te ensinou a danar (Otvio Santos), Berlim Bonfim (Nei Lisboa/Hique Gmez), Foi no ms que vem (Vitor Ramil), Capitu (Luis Tatit), Tabu (Gustavo Cerati), Luca (Herbert Vianna), Going to California (Jimmy Page/Robert Plant), Poquer no escuro (Nei Lisboa), Onde anda o Rock em Roll (Andr Silveira), El tunge le (Eduardo Mateo).

ADRIANA DEFFENTI Cantora, flautista, compositora, atriz. Em 1998, comeou a carreira solo como cantora. Gravou dois discos Peas de Pessoas (2002) e Adriana Deffenti (2007) e recebeu dois prmios Aorianos de Msica. Excursionou pelo Brasil, Argentina (onde lanou o segundo disco pela Random Records), Espanha e Frana. Atuou em espetculos como a pera cmica As 7 Caras da Verdade (de Nico Nicolaiewsky), o circense Po e Circo (do Circo Teatro Girassol, dirigido por Dilmar Messias), e trabalhos da Cia. de Dana Contempornea Eduardo Severino.
www.adrianadeffenti.com.br

ANGELO PRIMON Com 27 anos de carreira, o instrumentista, compositor e produtor porto alegrense j atuou com artistas de vrias tendncias: Arthur de Faria, Vanessa Longoni, Nei Lisboa, Adriana Deffenti, Nico Nicolaiewski, Orquestra de Cmara do Teatro So Pedro, Gilberto Gil, entre outros. Foi vencedor do Prmio Aorianos como Melhor Instrumentista na categoria MPB em 2006 e 2008; e em 2011, na categoria de Melhor Arranjador MPB juntamente com Richard Serraria por Pampa Esquema Novo. Desenvolve pesquisa sobre as sonoridades da viola de dez cordas, a viola de cocho, a rabeca, o oud rabe e o sitar indiano e suas aplicaes.

MARCELO CORSETTI Guitarrista. Em 1991, lanou o Marcelo Corsetti Quarteto, com o qual gravou seu primeiro disco. O segundo lbum, de 1994, foi considerado pela crtica como um dos melhores trabalhos de msica instrumental dos ltimos anos e colocou o msico entre os grandes guitarristas gachos. Em 2000, forma um novo quarteto e busca uma sonoridade desafiadora. O grupo lanou o disco Xquinas. O trabalho de Corsetti lhe conferiu diversos prmios, como o Trofu Aorianos (1993), como Revelao do Ano.

Abertura RAFAEL IRAVEDRA Nasceu na cidade de La Plata, Argentina. Mestre em Msica Prticas Interpretativas (violo) pela Ufrgs. Em 2008, concluiu o Professorado em Violo pela Universidad Nacional de La Plata (UNLP). A seguir, cursou o ps-ttulo de especializao superior em Violo no Conservatrio Luis Gianneo em Mar del Plata.


Revira&Volta
 

 

 

12/9/15 | 18h | Entrada franca
Juan Prada Trio
Abertura: Bruno Duarte, estudante de Violo da Ufrgs
Local: Fundao Ecarta (Av. Joo Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Gabriel Bessio
Juan Prada | Foto: Gabriel Bessio

Formado pelo por Juan Prada (teclado), Luke Faro (bateria) e Diego Banega (baixo), resultado de uma fuso de msica latino-americana de raiz, misturando os sons do Caribe, Rio de la Plata e Brasil. Os elementos da rumba, son, samba, tango e o candombe misturado com as novas tendncias do jazz contemporneo, dando sua prpria lnguagem e um toque pessoal ao som do trio. A proposta mostrar um novo conceito de jazz latino. Juan Prada Trio acaba de lanar o seu mais recente lbum intitulado Plegarias. No repertrio, Divertimento, Identidades, Descarga Habanera, Ta caliente, El retorno, Coreando, Mariana, El atrevido, Caf habana y ron, Imaginando rio (Juan Prada), Cha cha del litoral, Pasin mutua, La despedida (Juan Prada); e Nothing personal (Don Gronlick) e Armando rumba (Chick korea).

JUAN PRADA Pianista e compositor cubano. Graduou-se no Instituto Superior de Arte de Havana. Tem atuado em Cuba, Finlndia, Alemanha, Nicargua, Venezuela, Argentina, Brasil, Estados Unidos e Uruguai, onde mora hoje. Em 2006, se apresentou no Centro Cultural General San Martin, em Buenos Aires, com a participao do premiado trompetista canadense Nick Ali "The Brownman". Nesse mesmo ano, Juan Prada Trio foi um dos finalistas do V Concurso Internacional de artistas de jazz de Granada em Espanha, representando o Uruguai. Ganhou trs vezes o Prmio Nacional de Composio pela Unio Nacional de Escritores e Artistas de Cuba, o Prmio anual de Msica em 2012, e ao Fundo de bolsas de estudo e incentivo formao e criao artstica Justino Zavala Muniz 2012, no Uruguai. Tem dois discos gravados: Juan Prada Trio e Oraes. Suas obras foram executadas por diferentes grupos entre os quais incluem: Quinteto de Sopros da Havana (Cuba), Orquestra de Cmara Brindis de Salas (Cuba), Orquestra Sarabanda (Cuba), Big Band Estao Central e Banda Sinfnica de Montevideo (Uruguai), entre de outros.

LUKE FARO A carreira de Luke Faro tem a marca de grandes parcerias. Uma delas com o premiado guitarrista gacho Marcelo Corsetti, com quem gravou os trs discos da banda instrumental Xquinas. Luke tambm integra a banda de soul music Hard Working Band. Ele participou da gravao do segundo e do terceiro lbum do grupo. E a veia instrumental do trabalho do baterista est ainda na Caixa Preta, banda formada em 2005 e que alterna jazz, funk e temas brasileiros nas composies. A parceria com cantoras outro aspecto importante da carreira de Luke Faro. J acompanhou Adriana Deffenti, Andra Cavalheiro (vocalista da Hard Working Band), Ana Paula Lonardi e Vanessa Longoni. Lecionou e foi coordenador pedaggico no Instituto de Bateria Bateras Beat em Porto Alegre de 2007 a 2011. Desde 2012 scio da Escola de Bateria Tamborim em Porto Alegre.

DIEGO BANEGA Participou de vrios grupos, como Tierra de Bhanga (rock 2000/Uruguai), Maniusca Khan cuarteto (jazz 2006/Uruguai), Comparsa Mi Morena (candombe 2009/Uruguai), Jorge Maravilha (samba 2014/Brasil) e Guga Munhoz (rock, funk 2014/Brasil). Integra atualmente diversos grupos, como Juan Prada trio (latin jazz), Gilberto Oliveira (fuso), La uruleyra (candombe), Richard Serraria (funk) e Cafune (MPB). Discos gravados: Tab Tro (Desde Adentro, 2004), Maniusca Khan (Standars, 2005), Kimia Na Mokili (Lucha, 2007), Radko Balkar (Asomate a la vida, 2009), La betumancia (Uy uy uy, 2010), La Calenda Beat (La calenda beat, 2010), Artigas Leal (Artigas Leal, 2011), Juan Prada trio (Plegarias, 2012) e Richard Serraria and grand mster groove (2014).

Abertura BRUNO DUARTE Natural de Capela de Santana, iniciou seus estudos de violo por conta prpria em 2010. No ano seguinte foi aprovado no conservatrio de msica de Montenegro, a Fundarte. L, passou a ter aulas com o doutorando em msica pela UFRGS, Eduardo Pastorini. Participou durante 3 anos do Conjunto Instrumental da Fundarte onde gravou seu primeiro CD junto com a orquestra. Fundou o grupo de Choro da Fundarte e integrou o Grupo Cordas. Em 2014 iniciou o curso de bacharelado em violo na Ufrgs sob orientao do primeiro doutor em violo do Brasil, Daniel Wolff.


Juan Prada Trio
 

 

 

22/8/15 | 18h | Entrada franca
Recital de Carlos Bica
Abertura: Violonista Nahuel Romero, mestrando da Ufgrs
Local: Fundao Ecarta (Av. Joo Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Lisiane Bohn
Carlos Bica | Foto: Lisiane Bohn

O violonista brasileiro Carlos Bica, radicado atualmente em Barcelona, Espanha, desenvolve uma intensa atividade como concertista no Brasil e exterior com especial destaque aos pases latino americanos, e Europa. Em sua apresentao no Ecarta Musical, apresentar:

Heitor Villa-Lobos (1887 1959)
Preldio 1 Mi menor homenaje al campesino brasileo
Preldio 2 Mi mayor homenaje al malandro carioca
Preldio 3 L menor Homenaje a Bach
Preldio 4 Mi menor Homenaje al Indio brasileo
Preldio 5 R mayor Homenaje a la vida social

Francisco Trrega (1852 1909)
Endecha
Lgrima
Recuerdos de Alhambra

Cesar Guerra - Peixe (1885 1944)
Preldio 5
Joo Pernambuco (1883 1947)
Sons de Carrilhes
Heitor Villa-Lobos (1887 1959)
Choros 1

Luys de Narvaez (1500)
Diferencias sobre Guardame las vacas
Isaac Albeniz (1860 1909)
Asturias


CARLOS BICA Estudou com o violonista argentino Eduardo Castaera e com o compositor brasileiro Flvio Oliveira anlise musical e interpretao. Participou de masterclasses com violonistas como os uruguaios Eduardo Fernandez, Alvaro Pierri e Abel Carlevaro; com o alemo Frank Bungarten, com o argentino Eduardo Isaac e com o italiano Flvio Sala, entre outros. Apresentou-se junto importantes orquestras brasileiras em salas do norte ao sul do Brasil. Grande pesquisador da histria e do repertrio do seu instrumento, realizou inmeros recitais multimdias, seja como solista ou camerista, aproximando artes como a dana, pintura e poesia msica, em seus sempre inquietantes e inovadores programas. Como educador, desenvolve trabalhos de msica de cmara com seus alunos atravs do quarteto de violes Orphenica Lira, alm de ministrar masterclasses em universidades e conservatrios brasileiros. Gravou seu primeiro disco, Contemporneo Latino aos 20 anos, com peas de compositores latino-americanos. Em 2004, gravou DVD no Teatro So Pedro com peas dos compositores Luiz de Narvaez, Isaac Albeniz e Heitor Villa-Lobos. No mesmo ano, gravou DVD com o compositor Rached Karketi, de Hamburgo/Alemanha, Na Espanha tem desenvolvido sries de Recitais pela regio interpretando e gravando compositores da Catalua, para seu prximo DVD pelo selo espanhol Regent Music.

Abertura NAHUEL ROMERO Natural de Mendoza (Argentina), concluiu o Bacharelado em Violo em 2009 na Universidade Nacional de Cuyo (UNCuyo). Entre 2010 e 2015 participou em concursos e festivais internacionais na Argentina, Bolvia, Brasil, Itlia, Alemanha e Rep. Checa. Foi premiado em muitos deles, destacando-se os do Fenavipi VII (Brasil), Bienal de Guitarra de Cochabamba (Bolvia), Andes y Sierras Guitar Festival (Argentina) e, recentemente, em Guitarra sin fronteras (Chile) entre outros. No presente ano tocou como solista no Concerto para Violo e Orquestra do compositor H. Villalobos com a Orquestra Filarmnica de Temuco (Chile). Atualmente, bolsista pela Capes do Mestrado em Msica (Prticas Interpretativas) na Ufrgs, com o professor Daniel Wolff. No programa da abertura, Sonata: Antonio Jos (1902-1936) Allegro moderato, Minuet, Pavana triste e Final.


Recital de Carlos Bica
     

 

 

1º/8/15 | 18h | Entrada franca
Ecarta Musical apresenta um dos maiores acordeonistas do mundo: o espanhol Gorka Hermosa
Local: Fundao Ecarta (Av. Joo Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Juliana Pozzatti
Ale Vanzella | Foto: Juliana Pozzatti

Considerado um dos quatro maiores compositores para acordeon do mundo pelo presidente da Confdration Mondiale de L`Accordon, Frederic Deschamps, Gorka Hermosa tem uma trajetria multifacetada: intrprete, compositor, investigador e pedagogo. O artista comprometido com a dignificao do acordeon por meio de msicas.
Gorka Hermosa apresentar no Ecarta Musical o mesmo programa executado durante o ltimo ano em pases como China, Alemanha, Portugal e Espanha, tambm com composies prprias. Uma delas Paco, pea que, em 2013, recebeu o prmio CIA IMC-Unesco Composition, concedido pela Confederacin Internacional de Acordeonistas. As outras composies so: Gernika, 26/4/1937 (1994), Goya, Capricho 43 (2012), Fragilissimo (2000), Oda (2014), Saudade rtica (2014), Pater Noster (2013), Anantango (2003), Aurresku...? (Tradicional / G. Hermosa - 2005) e Variaciones sobre el Libertango (A. Piazzolla / G. Hermosa - 2003).


GORKA HERMOSA Iniciou a sua formao acordeonstica aos 11 anos. Estudou com Javier Ramos, Thierry Paillet e Friedrich Lips, e finalizou os estudos superiores de acorden no Conservatorio de Msica Jess Guridi, em Vitoria-Gasteiz. Obteve o 1 lugar em vrios concursos internacionais, o que o levou a ser o primeiro acordeonista a atuar como solista em uma orquestra sinfnica na Espanha. Participou em mais de 30 lbuns e tem quatro CDs prprios: ilunaBar (2002), Tangosophy (2006), Flamenco Etxea (2011) e Heterodoxia (2013). Tambm autor dos livros El Repertorio para acorden en el Estado Espaol, Oposiciones para Acordeonistas, El acorden en Cantabria e The accordion in the 19th century. professor de acordeon no Conservatorio Jess de Monasterio, de Santander.


MASTERCLASS COM GORKA HERMOSA

Aproveitando a vinda a Porto Alegre, na manh do mesmo sbado, dia 1 de agosto, s 10h, Gorka Hermosa ministrar um masterclass na Fundao Ecarta. Ele abordar tcnicas modernas de fole (bellows shake, ricochet etc), controle de sons atravs do correto movimento do fole, compreenso de cada msica por meio da forma e anlise, da esttica, do fraseado, da articulao e das possibilidades de timbres.


Apresentação Gorka Hermosa
     

 

 

25/7/15 | 18h | Entrada franca
Trio Quintina apresenta ritmos brasileiros
Abertura: Andr Luis Godinho, estudante de bacharelado em Violo pela Ufrgs
Local: Fundao Ecarta (Av. Joo Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Francis Sequinele
Trio Quintina | Foto:  Francis Sequinele

Os paranaenses Fabiano Silveira (violo), Gabriel Schwartz (sopros) e Gustavo Schwartz (cavaquinho e percusso) do Trio Quintana apresentam repertrio baseado nos vrios ritmos brasileiros como o samba, baio, xote, choro, afox, frevo, entre outros, sempre aliados s suas influncias contemporneas da msica mundial. Dentro da MPB, o trio interpreta grandes clssicos assim como composies prprias registradas nos seus cinco CDs independentes ao longo da carreira.


TRIO QUINTINA Surgiu em 1997, mas a sua estreia nos palcos se deu no ano seguinte no bar curitibano Emprio So Francisco. Em 1999 o Trio lana o seu primeiro CD intitulado A Caixinha Mgica, contendo somente composies prprias. Em 2001, o Trio lana seu segundo CD, lbum duplo gravado ao vivo somente com releituras dos grandes compositores brasileiros. Recebeu o prmio Saul Trumpete Melhores da Msica Paranaense, no ano de 2002, na categoria melhor CD de MPB. O CD se chama Ao vivo Puro, pois no teve nenhum tipo de maquiagem ou ajuste posterior no processo de gravao. O seu terceiro CD, gravado atravs da lei municipal de incentivo cultura, Balaio da Menina traz 15 novas canes compostas e arranjadas pelo Trio. Foi lanado em abril de 2002. Foi eleito, novamente pelo prmio Saul Trumpete Melhores da Msica Paranaense, como o melhor grupo de MPB do ano de 2002. Em 2004, o Trio lana Pra-dias de chuva, seu quarto CD independente contendo 14 novas composies. Em abril de 2008 o trio comemora seus 10 anos de existncia com o lanamento de um DVD comemorativo no Teatro da Caixa Cultural em Curitiba. No ano seguinte, lana seu quinto CD independente Quintina Orquestra Trio. Em outubro de 2010 o trio estreia seu novo espetculo Cyrk no teatro Paiol em Curitiba e, em agosto de 2011, o grupo faz nova temporada para laar o DVD do show gravado ao vivo. Em 2013, o Trio Quintina completa 15 anos de carreira e comemora lanando uma coletnea em formato de Box triplo com 2 CDs + 1 DVD intitulado Trio Quintina 3 Ciclos.

ANDR LUIS GODINHO Acadmico do curso de bacharelado em Violo pela Ufrgs, sob a orientao do prof. Dr. Daniel Wolff. Iniciou seus estudos de violo clssico na UPF, onde estudou com o prof. Dr. Grson Werlang e com o prof. Me. Thomas Pires. Programa: Fandango e Zapateado, das Tres Piezas Espaolas, de Joaqun Rodrigo (1901-1999) e Les Jambes, da Sute Contatos, de Paulo Bellinati (1950).


Trio Quintina
   

 

 

11/7/15 | 18h | Entrada franca
Ale Vanzella apresenta Indie Bossa
Abertura: Adriano Flesch, estudante do Bacharelado em Violo na Ufrgs
Local: Fundao Ecarta (Av. Joo Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Juliana Pozzatti
Ale Vanzella | Foto: Juliana Pozzatti

Ale Vanzella volta ao palco do Ecarta Musical com o seu Indie Bossa. O show, j conhecido tambm nos Estados Unidos, na Europa e no Japo, mescla influncias do indie rock e da bossa nova. Em violo e voz, a apresentao rene clssicos da bossa nova, canes nacionais e internacionais transpostas para o gnero e composies dos lbuns Indie Bossa e Indie Bossa II - este ltimo lanado mundialmente pela Movin Up Records - Sony Music em abril deste ano.


PROGRAMA
Come as you are (Nirvana)
How Long (Ale Vanzella)
Ready to start (Arcade Fire)
Crumble (Ale Vanzella)
Heart of gold (Neil Young)
I am afraid of you (Ale Vanzella)
The man who sold the world (David Bowie)
Killing me softly (Charles Fox, Norman Gimbel)
Golden drama (Ale Vanzella)
Use somebody (Kings Of Leon)
Everlong (Foo Fighters)
I started a joke (Bee Gees)
Desde que o samba samba (Caetano Veloso)
Chega de saudade (Tom Jobim)
Aguas de maro (Tom Jobim)
Carinhoso (Pixinguinha)
Voc linda (Caetano Veloso)
My way (Paul Anka)


ALE VANZELLA Multi-instrumentista, cantor e compositor autoditada, nasceu em Guapor, Rio Grande do Sul, onde iniciou sua concepo musical norteada pelo rock alternativo. Comeou tocando bateria, tendo como influncia bandas que iam do grunge ao trash. Em 2005, foi premiado na 3 edio do Good Music Festival (Rio Grande do Sul), com a msica Domingo. Em 2012, lanou o seu lbum de estreia Indie Bossa, com participao de Roberto Menescal. No ano seguinte, recebeu o Prmio Aorianos de Msica como Revelao e o Trofu RBS TV Cultura, e Indie Bossa foi um dos 52 trabalhos brasileiros que concorreram ao Grammy 2013 como melhor lbum de MPB. Participou, em janeiro de 2015, do projeto Jovens Tardes, da Rede Globo, e gravou a sua composio Grudge para a coletnea feita pela Som Livre. O disco Indie Bossa II foi lanado dia 8 de abril no Tom Jazz, em So Paulo, pelo selo Movin Up Records, da Sony Music Entertainment. O show contou com a participao especial do Bira e do maestro Osmar Barutti, do Sexteto J Soares, e deu origem ao DVD Unplugged In SP, que dever chegar ao mercado ainda este ano tambm pelo Movin Up Records.

ADRIANO FLESCH Aluno do bacharelado em Violo, na Ufrgs, sob a orientao do violonista Daniel Wolff, executar Estudos Op.29, n 17 em D Maior e n 24 em Mi menor (Fernando Sor), Sute Palmdromo Scordatura para violo solo, I Ciranda (Daniel Wolff) e Tarantela Op. 87 b. (Mario Castelnuovo-Tedesco).

 

 

27/6/15 | 18h | Entrada franca
Duo de flauta e violoncelo
Recital de abertura do 17 Encontro de Violoncelos

Local: Fundao Ecarta (Av. Joo Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Carla Ruaro
Quinteto Persch | Foto: DocPhotos

O recital de Fabiane de Oliveira (flauta) e Neemias Santos (violoncelo) faz a abertura da programao do 17 Encontro de Violoncelos, que acontecer em Porto Alegre de 27 de junho a 5 de julho em diferentes espaos culturais (programao abaixo). Fabiane e Neemias trabalham juntos h mais de 10 anos. J participaram da produo de Cds e gravaram para muitos outros artistas. Neste ano, esto gravando o primeiro CD do Duo de flauta e violoncelo.


REPERTRIO
Sonata em Mi menor BWV 1034, para flauta e basso (J. S. Bach, compositor) 10'
Adagio ma non tanto
Allegro
Andante
Allegro

Suite n 1 para violoncello solo (J. S. Bach, compositor) 20'
Preludio
Allemande
Courante
Sarabande
Menuettos I e II
Gigue

Trs Duetos para flauta e cello Opus 64 (F. Danzi, compositor) 13'
I Andantino
II Larghetto Allegretto vivo
III Andantino sostenuto Allegretto

O Assobio jato, para flauta e cello (H. Villa-Lobos, compositor) 10'
Allegro non troppo
Adagio
Vivo


SOBRE OS MSICOS DO DUO DE FLAUTA E VIOLONCELO

Fabiane Oliveira (flauta), bacharel em Flauta pela Ufrgs (2003), uma instrumentista verstil e passeia por diversos estilos musicais. Impressiona pelo virtuosismo no chorinho, pela clareza no erudito e pelo refinamento e pela musicalidade no jazz e na MPB. De 2003 a 2005 atuou junto a Ospa sob a regncia de maestros como Issac karabtchevsky, Giuseppe Marotta e Kyiotaka Teraoka. Em 2005 foi contemplada com uma bolsa do governo suo para especializao em Flauta e Piccolo no Conservatrio de Luzern. Como camerista, j se apresentou na Europa e em diversas cidades brasileiras, colaborando com msicos de vrios estilos e em diferentes combinaes instrumentais.

Neemias Silva Santos (violoncelo), natural de Salvador, Bahia, bacharel em Violoncelo pela Universidade Federal da Bahia e mestre em Violoncelo pela Pensylvania State University (EUA). Em 2003, convite da Fundao Ernst Widmer, participou da turn Inspiration Brasil por toda a Sua como cellista e arranjador. Em 2005 e 2006 estudou na Sua, tendo aulas particulares de violoncelo e piano. Foi violoncelo principal convidado da Altoona Symphony, nos Estados Unidos. Trabalhou tambm como violoncelo co-principal da Pennsylvania Centre Orchestra (PCO). Como camerista e integrante de orquestra j se apresentou na Europa, nos EUA, no Brasil e na Argentina. O violoncelista tambm desenvolve um extenso e diversificado trabalho como compositor e arranjador.

ABERTURA
Renan Simes, violonista, doutorando em Msica (Ufgrs) executar O Que se V/ Na Trilha da Brisa (Horcio Simes), Sute Pop (Interldio/ Dana I/ Preldio) (Renan Simes) e Momento I/ Miniatura IV (Renan Simes).


17 ENCONTRO DE VIOLONCELO RS Sob a coordenao de Milene Jorge Aliverti, professora de violoncelo da Ufgrs, a programao do Encontro conta tambm concertos, recitais, masterclasses, aulas de msica de cmara, oficinas e ensaios das orquestras de violoncelos.

Programao
27 de junho
18h - Recital de Abertura Duo de flauta e violoncelo Fundao Ecarta
Fabiane de Oliveira (auta) e Neemias Santos (violoncelo)
20h Concerto de Abertura Orquestra de Cmara Theatro So Pedro Theatro So Pedro
Solistas: Dennis Parker, Ney Fialkov e Moiss Cunha

28 de junho
18h Orquestra de Cmara Theatro So Pedro Theatro So Pedro
Solistas: Dennis Parker, Ney Fialkov e Moiss Cunha

29 de junho
9h Incio das aulas Salo de Atos da PUCRS
20h Concerto com a Orquestra Jovem do RS Salo de Atos da PUCRS

30 de junho
20h Recital do professor Hans Twitchell Instituto de Artes da Ufrgs

1 de julho
12h30min Recital Quatricelli Theatro So Pedro

2 de julho
20h Recital Talentos da terra com Trio Knob-Sell-Mayer Instituto de Artes da UFRGS

3 de julho
19h Recital de Alunos do 17 Encontro de Violoncelos do RS Instituto de Artes da Ufrgs

4 de julho
20h Recital das Orquestras de Violoncelo do 17 Encontro de Violoncelos do RS Salo de Atos da PUCRS

5 de julho
11h Recital Duo Santoro Instituto Ling
18h Concerto de Encerramento Orquestra do 17 Encontro e Orquestra Filarmnica da PUCRS Salo de Atos da PUCRS
Solista: Romina Monsanto

Programao completa na pgina do evento no Facebook


Duo de flauta e violoncelo

 

 

13/6/15 | 18h | Ingresso: item de higiene pessoal ou de limpeza
Quinteto Persch no concerto Brasileirssimo
Abertura:Joo Batista Costa de Souza (violo), mestrando em prticas interpretativas na Ufrgs
Local: Fundação Ecarta (Av. João Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: DocPhotos
Kleber Albuquerque apresenta Audiocardiograma | Foto: Vivi Corra


Show de lanamento do CD Brasileirssimo, do Quinteto Persch. Este terceiro disco do grupo, formado pelos acordeonistas Adriano Persch, Andr Machado, Daniel Castilhos, Ezequiel de Toni e Luciano Rhoden. O trabalho inclui obras de cinco compositores nacionais: Toninho Ferraguti, Radams Gnattali, Guerra-Peixe, Ernani Aguiar e Villa-Lobos. O repertrio foi cuidadosamente transcrito para quinteto, mantendo as texturas originais e enriquecendo o contedo expressivo de cada obra com as sutilezas e peculiaridades das sonoridades do acordeom.


Repertório

Ernani Aguiar (1950)
Quatro Momentos n 3
I. Tempo de Maracat
II. Tempo de Cabocolinhos
III. Canto
IV. Marcha

Heitor Villa-Lobos (1887-1959)
Bachianas Brasileira n 5
Aria (cantilena)

Toninho Ferragutti (1959)
Sanfoneon
Nem Sol Nem Lua

Radams Gnattali (1906-1988)
Sute Retratos
I. Pixinguinha (choro)
II. Ernesto Nazareth (valsa)
III. Anacleto de Medeiros (schottisch)
IV. Chiquinha Gonzaga (corta-jaca)

Csar Guerra-Peixe (1914-1993)

Mouro


QUINTETO PERSCH Em 2015, completa 16 anos de atividades ininterruptas. Iniciou suas atividades em 1999, em Porto Alegre, tendo como objetivo difundir o acordeon a partir da msica de cmara, demonstrando a versatilidade do instrumento e oportunizando a sua explorao com repertrio erudito. Em 2007, foi contemplado no projeto Petrobrs Cultural para gravao do primeiro CD, reunindo obras de Astor Piazzolla, Claudio Santoro, Antonio Vivaldi, Gioacchino Rossini e Wolfgang Amadeus Mozart. Em 2009, foi indicado ao Prmio Aorianos de Msica, promovido pela Prefeitura Municipal de Porto Alegre, no gnero erudito, em trs categorias: disco, intrprete e instrumentista, na qual foi premiado. Foi vencedor do Prmio Circuito Funarte de Msica Clssica 2010, para a realizao de turn na regio nordeste. No mesmo ano, participou da 3 Feira Msica Brasil, em Belo Horizonte, Minas Gerais. Em 2011, foi selecionando nos editais de ocupao dos teatros da Caixa Econmica Federal Caixa Cultural Braslia e do BNDES. Em janeiro de 2012, participou como grupo convidado do II Festival Internacional SESC de Msica de Pelotas. Lanou em 2012 o segundo CD, com msicas de Astor Piazzolla, Lon Bollmann, Antonio Vivaldi e Ivano Battiston. Recebeu tambm o Prmio Funarte de Concertos Didticos 2012 e 2014, para a realizao de concertos em Escolas Pblicas. E este ano lana o terceiro CD, Brasileirssimo.


Abertura

Joo Batista Costa de Souza Graduou-se em bacharelado em violo na Ufrgs e est cursando o mestrado em prticas interpretativas na mesma universidade, sob orientao do Prof. Dr. Daniel Wolff. Participou de importantes festivais de violo no Brasil, Argentina, Uruguai e Alemanha, onde realizou performances e recebeu aulas de concertistas como, Rafael Aguirre, Alvaro Pierri, Stanley Yates, Franz Halasz, Zoran Dukic, Costas Cotsiolis, entre outros.

Em 2009 conquistou o 1 lugar no concurso Jovens Solistas da Orquestra de Cmara Fundarte (RS). Em 2010 foi selecionado no Seminrio Internacional de Guitarra La Falda, na Argentina, para realizar concertos em Buenos Aires ao longo do mesmo ano. Em 2012 foi semifinalista no concurso Koblenz International Guitar Competition, Alemanha. Em 2013 conquistou 1 lugar no V Concurso Nacional de Violo da FITO (SP) e 1 lugar no XVII Concurso Nacional de Violo Musicalis (SP), alm de ter sido semifinalista do programa Preldio, um concurso de msica clssica televisionado pela TV Cultura.


Concerto Quinteto Persch
 

 

 

23/5/15 | 18h | Entrada franca
Kleber Albuquerque apresenta Audiocardiograma
Abertura: Jonathan Spinelli estudante de Violão Clássico na Ufrgs
Local: Fundação Ecarta (Av. João Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Vivi Corra
Kleber Albuquerque apresenta Audiocardiograma | Foto: Vivi Corra


Tendo duas safenas e uma mamária como inspiração, Kleber Albuquerque apresenta o novo show Audiocardiograma. Com o seu violão, o seu cavaquinho e algumas texturas sonoras programadas no computador, o artista mostra um trabalho temático, intimista e bem-humorado. O programa é composto por canções autorais e inéditas, outras que compôs ao longo da carreira, bem como clássicos da música popular sobre a mesma temática.

A ideia de um espetáculo com faixas que de alguma forma falam deste músculo involuntário tão presente na lírica da música brasileira surgiu quando Kleber sentiu o seu próprio coração começar a falhar. Em função de um entupimento arterial, no final de 2014 ele passou por uma revascularização miocárdica, mais conhecida como cirurgia de ponte de safena.

Repertório
O zabumbeiro do amor, Por um triz, Permitido, Uns 10 amantes, Os presentes, Passeando com meu cachorro, Milonga da noite preta, Olhai os lírios, Besouro, O encontro de Zé Limeira com a mulher de um dedo só, Canoeiro e Espera – Kleber Albuquerque;
Isopor – Élio Camalle e Kleber Albuquerque;
Canto para Aldebarã – Dante Ozzetti e Kleber Albuquerque;
Ai – Tata Fernandes e Kleber Albuquerque;
Orquídea cósmica – Flávio Alves e Kleber Albuquerque;
Além de versões para clássicos do cancioneiro, como Carinhoso (Pixinguinha e João de Barro), Explode coração (Gonzaguinha) e até de uma pérola da internet, o hino da igreja dos bêbados de Deus Deixe outro para mim (Rui Grudi).

KLEBER ALBUQUERQUE – Ganhou do pai um violão aos 11 anos e aprendeu sozinho os primeiros acordes. Na adolescência criou várias bandas de rock e, tomado pelo gosto de misturar melodias aos versos que escrevia, começou a compor. Em 1997, lançou o primeiro CD, chamado 17.777.700, pelo selo Dabliú. Depois vieram os outros, também batizados com nomes bem diferentes: Para a inveja dos tristes (2000), O centro está em todas as partes (2003), Desvio (2007), Só o amor constroi (2009) e 10 coisas que eu podia dizer no lugar de eu te amo (2013).  Atualmente, o artista está em processo de produção de um novo CD de músicas inéditas, com previsão de lançamento ainda em 2015.

Abertura
O aluno de Bacharelado em Violão Clássico na UFRGS, Jonathan Spinelli, executará Capricho árabe, de Francisco Tarrega (1852-1909) e Se ela perguntar, de Dilermando Reis (1916-1977).

 

9/5/15 | 18h | Entrada franca
Concerto do Quatricelli
Abertura: Jean Lopes, estudante da UFRGS, 20 anos
Local: Fundação Ecarta (Av. João Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Vinícius Alves
Concerto do Quatricelli | Foto: Vinícius Alves

Quarteto de violoncelos exclusivamente feminino, formado por Bianca D’Avila do Prado, Carla Pacheco, Monica Lima e Milene Aliverti, em 2012. As amigas, que já tinham em comum a paixão pelo violoncelo e pelo ensino do instrumento, sentiram a necessidade de fazer música de uma maneira mais fina e sensível. A estreia do grupo ocorreu no XIV Encontro de Violoncelos do Rio Grande do Sul, com imediata aceitação da plateia.

Desde então, o quarteto tem ampliado o seu repertório com composições de todos os períodos da história da música, com atenção especial aos compositores violoncelistas muitas vezes desconhecidos do grande público. O programa do Ecarta Musical homenageia nomes como Michel Correte, Julius Klengel, Edvard Grieg, Edmundo Villani Cortês, Pixinguinha e Ernesto Nazarteh.

O Quatricelli já se apresentou em diversas cidades do Estado e participou de projetos como o Domingo Clássico da Secretaria de Cultura de Estrela (2013 e 2014), Projeto MusiCâmara (2013 e 2014), Série de Concertos Sonarte (São Leopoldo), Projeto Audições Internas da Escola de Música Tio Zequinha, 15° e 16° Encontro de Violoncelos do Rio Grande do Sul e Musical Petropar, no Theatro São Pedro, em Porto Alegre. Recebeu o Prêmio Funarte de Concertos Didáticos 2014 com o projeto Música na Escola, que levou um panorama da música desde o Renascimento até os dias atuais para estudantes de oito escolas públicas da Capital gaúcha.

Abertura
Jean Lopes, aluno de licenciatura em Violão Clássico na Ufrgs, 20 anos. Ele executará Toada op. 18, de Dimitri Cervo (1968) e Introdução & Rondo Brilhante op. 11, de Johan Kaspar Mertz (1806-1856).

Programa do Quatricelli

1. Le Phénix, Michel Corrette
Allegro
Adagio
Allegro

2. Quatro Peças, Julius Klengel
Canção Sem Palavras
Gavotte
Lullaby
Marcha

3. Lyric Pieces, Edvard Grieg
Im Balladenton
Matrosenlied
Solvejgs Lied
Einsamer Wanderer
Kobold

4. Cinco Miniaturas Brasileiras, Edmundo Villani Cortês
Prelúdio
Toada
Choro
Cantiga de Ninar
Baião

5. Carinhoso, Pixinguinha

6. Odeon, Ernesto Nazareth


11/4/15 | 18h | Entrada franca
Uruguaio Dany Lopez lança seu CD Polk
Abertura: Lucas Correia Lima, estudante de violão
Local: Fundação Ecarta (Av. João Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Manuel Gianoni
Dany Lopez | Foto: Manuel Gianoni

Neste trabalho autoral, o compositor, produtor e arranjador combina as raízes populares ao contemporâneo, sem deixar a sua conexão com o pop rock. O disco conta com a participação de músicos convidados, como Vitor Ramil, Zeca Baleiro, Mariana Baraj, Ana Prada e Queyi. Acompanham Polk um livro, com contribuições de artistas visuais, poetas, dançarinos e escritores e o DVD Crônicas de viagem, com o making off das gravações.

No palco do Ecarta Musical, acompanham Dany os músicos Angelo Primon (viola caipira), Lucas Kinoshita (percussão) e Diego Banegas (baixo). Além das canções de Polk, o repertório também inclui algumas faixas de outros dois discos do artista: Acuario e Canciones Cruzadas, gravado em parceria com Marcelo Delacroix.

DANY LOPEZ – Compositor, produtor e arranjador. Nasceu em Montevideo, Uruguai, em 1970. Iniciou os estudos de piano aos cinco anos. Depois aprendeu harmonia e composição com Esteban Klisich e canto com Maria Noel Taranto. Em 2008, gravou o álbum intimista Acuario, de canções folk rock que revelam o seu universo poético-musical. Em 2012, lançou Canciones Cruzadas, em parceria com Marcelo Delacroix. Como produtor trabalhou com artistas como Daniel Drexler, Jorge Schellemberg, Ines Saavedra, Carmen Pi e Samantha Navarro. E já dividiu o palco Ana Prada, Malena Muyala, Daniel Drexler, Vitor Ramil, Rossana Taddei, Samantha Navarro, Popo Romano, Georgina Hassan, Angelo Primon, Richard Serraria, Pablo Grinjot, Maria Noel Taranto, entre outros. Mais em www.danylopez.net.

LUCAS CORREIA LIMA
- Iniciou seus estudos em 2006 no curso de Extensão em Música da Universidade Federal de Pelotas, na classe do Prof. Maurício Machado Nunes. Recebeu orientação sob a forma de aulas particulares do Prof. Luiz Cláudio Ribas Ferreira durante o ano de 2010 à 2012 e do Prof. Paulo Inda desde 2012. Em 2014, ingressou ao curso de Bacharelado em Violão na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, também sob orientação do Prof. Paulo Inda.

Participou de diversos Festivais de Violão no Brasil e no Uruguai, onde recebeu aulas de concertistas como Álvaro Pierri (Uruguai-Suíça), Stanley Yates (Inglaterra-EUA), Daniel Göritz (Alemanha), Luis Orlandini (Chile), Alberto Cumplido (Chile), Daniel Morgade (Uruguai), Gilson Antunes (Brasil), entre outros. Em 2009 foi vencedor do Concurso Rosa Mística em Curitiba-PR. Em 2011, foi vencedor do Concurso Waslau Borkowski em Ponta Grossa-PR e obteve o terceiro prêmio no Concurso Nacional da FITO na cidade de Osasco-SP. Em 2014, foi finalista do Concurso Nacional do Movimento Violão na cidade de São Paulo-SP e em 2015, foi premiado como terceiro lugar no Concurso Internacional de Violão do Perú, na cidade de Lima.

No repertório da abertura: Elogio de la Danza (Leo Brouwer), Estudo 10 (Heitor Villa Lobos), Fantasia Húngara (Johann Kaspar Mertz)

Uruguaio Dany Lopez lana seu CD Polk



28/3/15 | 18h
Marcelo Delacroix
Local: Fundação Ecarta (Av. João Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Rodrigo Castelhano
Marcelo Delacroix | Foto: Rodrigo Castelhano


O músico apresentará um apanhado de seus dois CDs (Marcelo Delacroix/2000 e Depois do Raio/2006, ambos vencedores do Prêmio Açorianos), canções novas e algumas releituras de outros artistas. No repertório,  História de nós dois, Folia do Divino, Zamba Pal Mano; Cachilo dormido; Zamba Del Pajuerano; Chove sobre a cidade, Cera de abelha, Gente boa, Ciranda da Lua, Terra firme, Atrás do vento, Amigo do rei, Cada bicho, O rato Roque/Musiquinha Chata e Cais do Valongo.

MARCELO DELACROIX – Compositor, arranjador, produtor e educador musical, Delacroix integrou diversos grupos, como o Conjunto de Câmara de Porto Alegre e o Bando Barato pra Cachorro. O artista compôs ainda diversas trilhas para cinema, documentários, peças de teatro e espetáculos de dança. Recebeu o troféu Açorianos por A Bota e sua Meia do dramaturgo alemão Herbert Achternbusch, e Os crimes da Rua do Arvoredo, ambas com direção de Camilo de Lélis; e por Sonho de Uma Noite de Verão, dirigido por Patrícia Fagundes, em que compôs a música e fez a preparação musical dos atores em parceria com Simone Rasslan. Na Área da Dança, ganhou o Prêmio Açorianos pela música de Létis, da Muovere Cia de Dança. No cinema fez a direção vocal do filme A Paixão de Jacobina, de Fábio Barreto, trabalhando com atores e coro. Para a TV, fez trilhas para documentários, como o recente Histórias Curtas RBS Um risco no céu, em homenagem ao compositor gaúcho Carlinhos Hartilieb. Atua também como educador musical, já tendo trabalhado em diversas escolas e projetos sociais.

Marcelo Delacroix
   



14/3/15 | 18h

Conjunto Bluegrass Porto-Alegrense
Local: Fundação Ecarta (Av. João Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Anderson Dorneles
Conjunto Bluegrass Porto-Alegrense | Foto: Anderson Dorneles


Integrado por Heine Wentz, Marcio Petracco, Ricardo Sabadini e José Barônio. Com mais de 8000 seguidores no Facebook (fb.com/BluegrassPOA), o Conjunto atua desde 2007 com a proposta de ocupar os espaços públicos da cidade de Porto Alegre com música e cultura. O gênero conhecido como Bluegrass, surgido nos anos 40 no sudeste dos Estados Unidos a partir do contato de imigrantes irlandeses, escoceses e ingleses com a música afro-americana, é tradicionalmente executado com instrumentos acústicos ao redor de um único microfone.

O disco de estreia, gravado em 2008, é composto de instrumentais, canções e temas a cappella. Além de apresentar esse repertório o grupo compartilha a história do Bluegrass com o público, tanto nas ruas, como em eventos diversos. O conjunto fez a abertura dos shows de Roger Waters (Pink Floyd), Paco de Lucia e outros. Participaram de importantes festivais de rock, jazz e blues na região sul do Brasil, da Circulação SESC pelo interior do RS, de eventos corporativos.

Conjunto Bluegrass Porto-Alegrense



24/1/15 | Entrada franca
Ars Pampiana
Local: Fundação Ecarta (Av. João Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Igor Sperotto
Foto: Igor Sperotto


Recital-show do pianista Luis Henrique “New”, instrumentista, arranjador, compositor, atuante na cena musical porto-alegrense.  Depois de intensa carreira e de diversos prêmios nacionais e regionais recebidos, retorna aos bancos escolares, desta vez para estudar Composição Musical no Instituto de Artes da Ufrgs, e é justamente parte desse trabalho que o público poderá desfrutar.
Nessa apresentação, New compartilha o palco com dois instrumentistas de destaque na cena porto-alegrense, verdadeiros bambas em seus instrumentos: o saxofonista e professor da Ufrgs, Amauri Iablonovsky, e o guitarrista e violonista James Liberato.

Serão apresentadas composições próprias e de autores como Tom Jobim, Vinícius de Moraes, Chico Buarque, César Camargo Mariano e do porto-alegrense Manfredo Fest, onde amalgamam-se influências da música brasileira de origem popular – como samba, choro e modas – aliadas à tradição da música de concerto.

Programa
Peças nºs.1, 2 e 3 para piano (Luis Henrique “New”).
Suite para Sax Tenor e Piano  Luis H. “New”) .
Seresta - Valsa Venezuelana (Manfredo Fest)
Olha Maria (Tom Jobim )
Curumim (Cesar Camargo Mariano )
Samambaia (Cesar Camargo Mariano).
Ars Pampiana (Luis H.” New”).

LUIS HENRIQUE “NEW” – Bacharel em Piano pela Ufrgs. Recebeu vários prêmios, dentre eles, o Troféu Açorianos de Música com a Banda Venerável Lama. Acompanhou vários artistas de destaque locais como Flora Almeida, Gélson Oliveira, Bebeto Alves, Raul Elwanger, Ângela Jobim. Pianista do grupo Delicatessen, quarteto de Bossa – jazz, disco Ganhador do Prêmio Tim como Melhor Disco em Língua Estrangeira, em 2007.

AMAURI IABLONOVSKI – Primeiro saxofonista concursado do Rio Grande do Sul, é professor de saxofone na Ufrgs e da Uergs. Ganhador do Troféu Açorianos de Música na categoria dos sopros e vencedor por duas vezes do Festival de Choro de Porto Alegre, tendo também destaque em outros festivais do Rio Grande do Sul. Na área erudita, participa ativamente como músico contratado pela Ospa em inúmeros concertos, tendo já atuado como solista junto à orquestra do Theatro São Pedro, também por diversas vezes. Atua na área popular em shows e gravações de discos de diversos estilos. Atualmente, trabalha com o Quarteto Pictures e a Confraria do Sax, sendo este último, representante do Departamento de Música da Ufrgs.

JAMES LIBERATO – Instrumentista, compositor e arranjador. Integrou vários grupos representativos da música instrumental de Porto Alegre. Com o espetáculo Off Road, realizado em 1991, recebeu seu 1º Prêmio Açorianos de Música. Também atuou como músico contratado junta o Ospa, Orquestra de Câmara do São Pedro, Orquestra da Ulbra e Unisinos acompanhando importantes artistas nacionais e internacionais como Bibi Ferreira, Fafá de Belém e Michel Legrand. Atualmente atua como professor no curso técnico de música da EST/ESEP em São Leopoldo onde leciona guitarra, prática de conjunto, harmonia e improvisação e cadeiras de teoria e percepção. Na área da música James prepara composições para gravar seu quarto cd autoral e atua como instrumentista em diversos trabalhos musicais da cidade.

Ars Pampiana


10/1/15 | Novo horário 19h

Orquestra de Flautas Transversas Ipdae
Local: Fundação Ecarta (Av. João Pessoa, 943, Porto Alegre)

Foto: Daiane Lopes Peixoto
Foto: Daiane Lopes Peixoto


O primeiro Ecarta Musical de 2015 apresenta a Orquestra de Flautas Transversas IPDAE. No repertório, a música erudita do período Barroco, visitando a obra de Johann Pachelbel e Johann Sebastian Bach; o Romantismo Clássico de Ludwig van Beethoven e Franz Liszt; além de faixas dos Beatles e de importantes representantes da Música Popular Brasileira, como Luiz Gonzaga, Pixinguinha, Ary Barroso, Noel Rosa e Kleiton e Kledir.

ORQUESTRA DE FLAUTAS TRANSVERSAS IPDAE – Criada em 2011, sob a coordenação artística e regência do professor Ademir Schmid, é resultado do trabalho desenvolvido na classe de Flauta Transversa do Instituto Popular de Arte-Educação. Além de ser composta por alunos, também conta com a participação de dois egressos, que hoje cursam a Faculdade de Flauta Transversa na Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

PROGRAMA
Rhapsody in Blue (George Gershwin)
Minueto em Sol M (Beethoven)
Minueto em Sol M (Bach)
Jesus, Joy of Man’s Desiring (Bach)
Ein Fest Burg (Bach)
Adágio em Sol m (Boismortier)
Rêve D’Amour (Franz Liszt)
Kanon em Ré M (Pachelbel)
Yesterday (P. McCartney e J. Lennon)
La Paloma (Yradien)
Vira Virou (Kleiton e Kledir)
Carinhoso (Pixinguinha)
Odeon (Ernesto Nazareth)
Aquarela do Brasil (Ary Barroso)
Asa Branca (Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira)
Tico-Tico no Fubá (Zequinha Abreu)



Orquestra de Flautas Transversas Ipdae
 




Confira as atividades realizadas:


Fundação Cultural e Assistencial ECARTA
Av. João Pessoa, 943 - Porto Alegre - RS - Brasil - Fone: 51-4009.2970
© Copyright 2005 - 2011 Todos os direitos reservados (All Rights Reserved)